Carregando Conteúdo...

Conheça as 4 grandes vantagens da Pintura Eletrostática para proteção e estética do seu veículo

A tecnologia vem revolucionando o setor automobilístico. Hoje, além de garantir recursos que otimizam o processo de restauração ou reparação dos veículos, estas inovações também trazem inúmeras vantagens em economia, durabilidade, inclusive, menos impacto ao Meio Ambiente.

A pintura eletrostática é um exemplo deste novo conceito, afinal, a técnica é considerada uma das mais resistentes e funcionais do mercado.

Indicada para revestimentos em ferro, alumínio, ouro, cobre e outros metais, ela remove resíduos de óleo, graxas, tintas e oxidação, além de ser propícia para vias decapantes, desengraxantes e jateamento abrasivo.

Os acabamentos também são diversos, propiciando resultados diferentes, de acordo com a necessidade e preferência do proprietário do veículo.

Além dos resultados estéticos, a eletrostática ainda protege a superfície contra a corrosão ao longo do tempo.

Para saber mais vantagens da pintura eletrostática pata proteção e estética do seu veículo, confira mais detalhes que a Fávero, empresa expert em restauração de automóveis antigos e cromação de peças traz para você.

  1. Sem impactos ao Meio Ambiente

Na pintura eletrostática são utilizados os seguintes tipos de tintas: Epóxi, híbrido, poliésteres, poliuretanos e em pó metálica. Estas tintas não possuem solventes, o que as tornam opções ecologicamente corretas.

O solvente é considerado uma fonte de contaminação, visto que o descarte incorreto deste produto pode causar prejuízo ao o solo, água, inclusive para a saúde. Quando esta substância química tóxica e inflamável é absorvida pelo solo, as consequências são: redução da fertilidade do solo, aumento da erosão, danos para a flora e a fauna, liberação de gases poluentes e contaminação de alimentos.

Tintas com solvente também colocam em risco a saúde humana, já que o contato pode acontecer por via respiratória, pele e também através da digestão.

Diante disto, a pintura eletrostática se torna uma alternativa benéfica tanto para quem usa, quanto para a conservação dos recursos naturais do planeta.

  • Mais economia e rendimento

Na pintura eletrostática é necessária apenas uma única camada de aplicação.

Além disso, ela não oferece perda de material durante a aplicação, já que o pó da tinta que não adere à peça pode ser reaproveitado, garantindo um rendimento próximo de 98% do material.

Também é uma opção que economiza energia, pois o consumo de ar na estufa é considerado bem baixo.

Com a pintura eletrostática não é preciso aplicar solventes para limpeza, diminuindo ainda mais a quantidade e tipos de produtos utilizados durante o processo.

Esta técnica ainda permite um alcance mais abrangente e integral da tinta na peça, inclusive em cavidades de difícil acesso.

  • Rápida aplicação e maior durabilidade

Todo processo de aplicação da pintura eletrostática é bem rápido, ideal para quem precisa de reparos urgentes ou não quer ficar muito tempo longe do veículo.

Existem várias técnicas de aplicação, que inclui a pulverização eletrostática, leito fluidizado eletrostático e leito fluidizado.

O processo funciona por meio de forças magnéticas, que circulam entre a superfície e a tinta. A pistola utilizada para aplicação é carregada eletricamente com cargas positivas ou negativas, geralmente é usado o oposto da corrente elétrica da superfície; ou seja, a tinta acaba sendo atraída ao objeto por uma carga elétrica oposta, resultando em mais fixação e menos desperdício.

Desta forma, com a atração das cargas, a pintura fixa-se como um imã na superfície. Garantindo mais resistência e durabilidade ao revestimento.

  • Variedade em acabamentos

Outra grande vantagem propiciada pela pintura eletrostática é a variedade em acabamentos que esta técnica possibilita.

Além de evitar manchas, escorrimentos, bolhas e gotejamento, é possível escolher entre os seguintes efeitos:

  • Liso: O acabamento liso é mais convencional, ideal para quem busca preservar os aspectos originais do automóvel.
  • Verniz: Para quem deseja dar aquele upgrade na pintura, nada melhor do que escolher a opção com verniz. O brilho proporciona uma acabamento mais espelhado, que pode valorizar ainda mais a cor ou detalhes da superfície aplicada.
  • Texturizada: Há também a opção com textura, considerada mais moderna e que pode ser a solução para superfícies menos uniformes ou com relevos.
  • Fosco: Este acabamento também camufla possíveis defeitos da superfície, além de garantir um efeito moderno e exclusivo, muito apreciado nos dias de hoje.

Independente de qual for o acabamento escolhido, saiba que com a pintura eletrostática a durabilidade e qualidade será extremamente satisfatória.

 Onde fazer a pintura eletrostática?

Agora que você já conhece todos os detalhes da pintura eletrostática, saiba que para aproveitar todas essas vantagens mencionadas acima, é preciso contar com serviços de qualidade.

Na Fávero, cromação de peças e restauração de autos antigos, você conta com o que há de mais moderno e eficiente nos serviços de pintura eletrostática, polimento, jateamento e limpeza de peças, cromação, estamparia, corte e repuxo, além de soldagem TIG e outros projetos especiais.

A pintura eletrostática da Fávero prioriza matérias primas Akzo e Weg, grandes referências do segmento de resinas do mundo.

Seu processo eletrostático com revestimento a pó cria uma película de polímero termo-endurecível de alta resistência.

O resultado final é uma alta camada de revestimento, que reforça a proteção e previne deteriorações, beneficiando tanto a estética quanto a durabilidade da peça.

A Fávero também possui um estoque de aros, calotas, faróis, lentes e outros componentes dos grandes ícones automobilísticos da história. Reunindo em um só lugar, tudo que você precisa para dar aquele upgrade no seu veículo ou motocicleta antigo.

Desde 1972, garante produtos e serviços de qualidade ao mercado de reposição automotiva para que você preserve o melhor da sua paixão.